2010

Veja as principais atividades realizadas em 2010:

  • Abenutri participa do debate entre os principais executivos do setor de Suplementos Nutricionais ou, de Alimentos para Praticantes de Atividade Física, realizado pela Revista Sport Life, e publicado na edição de Fevereiro/2010; temos a matéria na íntegra, com fotos de vários Associados que participaram
  • Abenutri inicia aproximação e estuda parceria com a Secretaria de Alto Rendimento – Ministério dos Esportes, sugerindo temas para a criação de Edital que destina mais de R$40 milhões para pesquisa na área esportiva;
  • Alteração da sede Abenutri para sala comercial na Vila Olímpia, março/2010;
  • Abenutri visita Feira Internacional – o evento “ARNOLD SPORTS FESTIVAL” nos EUA, março/2010
  • ABENUTRI contrata assessoria jurídica (Dr. Romar Tavares) para escrever documento e encaminha resposta à CP 95/09 – que trata da “desrregulamentação” do setor (apesar da publicação da RDC Nº27/10, vimos a necessidade em ampliar e participar desta discussão, que permanece em curso), março/2010; temos a contribuição que encaminhamos;
  • Presidente da Abenutri dá entrevista ao vivo para rádio Eldorado – abril/2010
  • Contratação do Dr. Fernando Aith, para: Formalizar um Recurso Administrativo questionando jurídica e tecnicamente a RC n.18, pois sua FORMA está inadequada (insegurança jurídica); seus MOTIVOS estão obscuros (faltou justificativas técnicas); e sua FINALIDADE não atende ao interesse público – de modo que contemple as necessidades de nossos Associados e consumidores, maio/2010. Esta ação visa ampliar os requisitos técnicos da RDC n.18, e garantir pontos que ficaram duvidosos na atual portaria:
    • Packs – o que ficou permitido não é viável de ser produzido devido aos limites exigidos de cada nutriente;
    • BCAAs – ficou sem classificação/regulamentação específica, podendo sofrer ainda nova regulamentação restritiva por parte da Anvisa;
    • Limites de vitaminas e minerais muito baixos, não atende às demandas de mercado;
    • Exigências sem justificativa técnica, como valores mínimos e máximos de um nutriente específico em determinada categoria, impedindo a variedade;
    • Permitir combinações entre diferentes categorias, por exemplo um repositor hidroelétrolítico com cafeína. Produtos que são seguros, e possam tornar o uso mais prático pelo atleta;
    • Melhorar possibilidade de uso de imagens e dizeres em rotulagem e propaganda;
    • Outros pontos específicos indicados por nossos associados;
  • A ABENUTRI solicitou à ANVISA a “Cópia integral de Capa a Capa” dos processos administrativos que fundamentaram a elaboração e aprovação da RDC Nº18/2010, com todos os pareceres técnicos, maio/2010;
  • Abenutri participa da Mesa de Alto Rendimento, como Relatora, da III Conferencia Nacional do Esporte, onde as metas para o próximo decênio foram traçadas, visando os mega-eventos que estão por vir (Jogos Militares 2011/Copa 2014/Olimpíadas 2016), junho/2010;
  • Idealização, incentivo e apoio para a criação da I EXPO NUTRITION – feira específica do setor de suplementos nutricionais, realizada no RJ em julho/2010, com mais de 30 mil visitantes; Temos muitas fotos, inclusive tínhamos um estande institucional
  • Apoio e parceria com a ABNE – Associação Brasileira de Nutrição Esportiva, presidida pela Dra. Heloisa Guarita – para a realização do Sports Nutrition Convention, realizado junto à Expo Nutrition, voltado aos nutricionistas especializados em esporte, julho/2010
  • Criação do Folder ABENUTRI: com informações tanto sobre os objetivos da Associação, quanto para educar o consumidor sobre o que são, pra que servem os suplementos nutricionais e as diferenças com relação aos Esteróides Anabolizantes. Tenho o folder em alta se quiser, em corel e jpg.
  • Abenutri participa do Seminário Combate a Pirataria em Saude – Câmara Americana de Comercio AMCHAM Brasil, julho/2010;
  • Abenutri faz questionamento à ANVISA sobre a concessão de registro para a Creatina da Marca Ethika, empresa recém-criada, que conseguiu o registro em tempo recorde, na frente de empresas que estão pleiteando o mesmo registro há anos!
  • Em resposta ao pleito Abenutri acima, a ANVISA publicou a RDC Nº27/2010, liberando todos os Alimentos para Atletas da necessidade de registro, entre outras categorias de alimentos; Temos a RDC 27, se precisar. A intenção inicial da Agência seria publicar uma RDC mais completa, após finalizado o novo serviço de peticionamento que a ANVISA estava preparando, porém, a informação que temos é que a ANVISA antecipou a publicação de parte do que seria a CP Nº 95, devido a uma forte pressão da industria de alimentos.
  • Com a isenção da necessidade de registro dos Alimentos para Atletas e Suplementos Vitamínicos e/ou Minerais, a Abenutri viu a necessidade de criar um SELO de garantia e um programa de Monitoramento do mercado, que começou a ser organizado pelos Associados.
  • Participação da solenidade de abertura da Sport Business 2010, ago/2010;
  • Abenutri ganha novo Associado, a empresa RMA e fecha parceria com a Revista SuplementAção, possibilitando maior visibilidade para as ações da Abenutri, além do alcance do mercado e público consumidor leitor da revista, ago/2010;
  • Abenutri fecha parceria com a ANCHAM Brasil e encaminha proposta de convênio com a ASEGI – órgão de segurança da ANVISA, de modo a melhorar nosso relacionamento e, principalmente, o monitoramento do setor, agosto/2010;
  • ABENUTRI discuti a CP 86/2010 – que trata dos medicamentos específicos. Procuramos entender e monitorar até onde a publicação de uma nova RDC que prevê o registro de produtos que consideramos “suplemento Nutricional” (ex: ômegas) como medicamento específico (OTC) pode impedir que os mesmos ingredientes sejam comercializados algum dia no pais, como ALIMENTO, como é nosso desejo;
  • Participação do prêmio Sport Life 2010, que premiou a melhor categoria de suplementos nutricionais, com duas empresas Associadas Abenutri entre os finalistas, setembro/2010;
  • Abenutri apóia o evento BSB InLUX – que promoveu Seminários de Promoção do Bem-estar e Saúde, em 19 a 21 de Setembro
  • ABENUTRI acompanha cerimônia de assinatura da Medida Provisória para incentivo do Esporte de Alto Rendimento, onde aprova o Edital de R$40 milhões para pesquisa direcionada ao Esporte, incluindo Nutricao Esportiva, setembro/2010;
  • Abenutri filia-se ao IADSA – International Alliance of Dietary/Food Supplement Associations, órgão internacional que defende a categoria dos suplementos nutricionais no mundo, setembro/2010;
  • Abenutri participa do XIV Congresso de Nutrologia – ABRAN, setembro/2010;
  • Abenutri discute os números do mercado para um posicionamento sobre o CENÁRIO ATUAL DO MERCADO DE ALIMENTOS PARA ATLETAS – POSICIONAMENTO ABENUTRI 2010-2011:
    • Faturamento estimado do mercado de nutrição esportiva (não entram suplementos vitamínicos e/ou de minerais, nem bebidas isotônicas) no Brasil foi de R$ 260 milhõesno ano de 2010 (preço de consumo), com crescimento estimado de 18,4%, faturando R$308 milhões em 2011.
    • Os pontos de venda estão distribuídos em lojas especializadas e farmácias (sendo que no norte/nordeste tem mais farmácias comercializando suplementos esportivos, que lojas especializadas), com 6000 pontos de venda no total.
    • O Crescimento médio nos ultimos 6 anos foi de 21%.
    • (FONTE: Euromonitor International – Nutrição Esportiva – Tendências e Desempenho Global, Abril 2011)
    • 2010 – 5 bilhoes de dólares no mundo (sports nutrition)
    • cresceu 6,5% no mundo em 2010
    • teve queda em 2009 devido a crise mundial
    • America Latina em geral cresceu 18% em 2010
    • R$244- 260,00 milhoes no Brasil faturado em 2010 (138 milhoes USS)
    • Faturamento de 2011 – 308,00
    • Crescimento de 18,4% de 2010 para 2011
    • Com crescimento de 27% de 2009 para 2010
    • De 2008 pra 2009 – cresceu 17,7%
    • De 2007 pra 2008 – cresceu 17,5%
    • De 2006 para 2007 – 20%
    • De 2005 para 2006 – 23,9%
    • Media de crescimento é de 21,22% nos últimos 5 anos.
    • Media de crescimento é de 20,75% nos últimos 6 anos.
  • Abenutri estuda a criação de POP Denúncias ABENUTRI, para manter a ordem e coibir o mercado irregular, outubro/2010;
  • Abenutri negocia a criação de um projeto em parceria com a ABRIESP, e ABIAD para estudar os números do setor e cadeia produtiva, de modo a entender melhor nosso segmento e ter ferramentas para reivindicações. Este projeto terá duas fases, sendo a primeira realizada com patrocínio SEBRAE, com início previsto ainda para este ano, de modo a determinar:
    • Tamanho do mercado;
    • Divisão geográfica;
    • Número de empresas (fornecedores: fabricantes e importadores);
    • Volume de importação/exportação;
    • % arrecadação de tributos;
    • nº Empregos diretos
  • Abenutri participa da solenidade de lançamento da APO (Autoridade Pública Olímpica) e da ABCD (Autoridade Brasileira de Combate ao Doping),  aprovados pela III Conferencia Nacional do Esporte, realizada pelo Ministério dos Esportes para tratar da Copa e Olimpíadas;
  • Abenutri solicita estudo para parceria com empresas de auditorias específicas, como o Bureau Veritas e Laboratórios de Análises para a criação de um selo de qualidade e confiabilidade das empresas fabricantes ou importadoras, associadas à Abenutri, com a criação de um selo conjunto: ABENUTRI + Órgão Auditor;
  • Solicitação de Associação da Abenutri ao CONAR, órgão extremamente ativo, que acaba de ter nova vitória em favor de seus associados, com a revogação da RDC 24/10, que restringia a publicidade de alimentos com alto teor de Açucares, sódio, e gorduras trans e saturadas. A filiação ao CONAR, visa uma maior liberdade de comunicação das informações referentes aos produtos que comercializamos. A Lei em vigor é obsoleta e proibitiva, e a Anvisa a utiliza para penalizar as empresas do segmento. A filiação ainda esta em andamento.
  • Participação do Grupo de Trabalho Suplementos da ABIAD, parceria que objetiva a revisão da Portaria Nº32/98, que tange sobre os Suplementos Vitamínicos e de Minerais, buscando ampliação desta portaria:
    • Criação de uma portaria específica para suplementos nutricionais, baseada em segurança e não em eficácia para finalidades específicas como já acontece no resto do mundo, com permissão de compostos entre vitaminas, minerais, subs. Bioativas, probióticos, fibras, extratos, aminoácidos, gorduras, etc.
    • Realização de Workshop Internacional, em Brasília, com a presença dos técnicos da Anvisa, dos membros do CETECAF, e profissionais renomados do setor (nacional e internacional), com apoio do IADSA, para discussão do tema e confirmação da importância da revisão da portaria n. 32/98;
    • Solicitação que esta revisão seja incluída na Agenda Regulatória Anvisa 2011;
  • Abenutri participa de reunião convocada pela ANVISA para estudar uma proposta de Auto-regulamentação do setor de Alimentos para Atletas e Funcionais. Novembro/2010
  • Abenutri patrocina WORKSHOP em Brasília, com participação dos técnicos da GGALI e GPESP/ANVISA, da Diretora Colegiada Maria Cecília Martins Brito, e alguns Professores de diversas entidades representando a Academia.

Facebook

Twitter